Quem sou eu

Minha foto
"Aceitar-me plenamente? É uma violentação de minha vida. Cada mudança, cada projeto novo causa espanto: meu coração está espantado. É por isso que toda minha palavra tem um coração onde circula sangue" (Um sopro de vida - Clarice Lispector)

quinta-feira, 12 de maio de 2011


"Coração na mão
como refrão de um bolero..."

3 comentários:

uma louca pela vida... disse...

Eu fui sincero como não se deve ser...

giselaine alves ♫ disse...

adoro esse gatinho, já foi tema no meu blog *--*

beijoca, linda!

♪ Sil disse...

E haja a taquicardia, do coração na mão...

Dé, vim deixar um abraço giganteee!

Uma semana bem bonita pra você!