Quem sou eu

Minha foto
"Aceitar-me plenamente? É uma violentação de minha vida. Cada mudança, cada projeto novo causa espanto: meu coração está espantado. É por isso que toda minha palavra tem um coração onde circula sangue" (Um sopro de vida - Clarice Lispector)

terça-feira, 28 de junho de 2011

"Eu sou mole demais por dentro pra deixar todo mundo ver. 
Eu deixo pra quem eu acho que pode comigo. 
Ninguém sabe. 
Mas eu tenho coração de moça." 
(Fernanda Young)


"É difícil conviver com esta elasticidade: as pessoas se agigantam e se encolhem aos nossos olhos. Nosso julgamento é feito não através de centímetros e metros, mas de ações e reações, de expectativas e frustraçõesUma pessoa é única ao estender a mão, e ao recolhê-la inesperadamente, se torna mais uma. O egoísmo unifica os insignificantes. 
Não é a altura, nem o peso, nem os músculos que tornam uma pessoa grande. 
É a sua sensibilidade sem tamanho." 
(Martha Medeiros)

Um comentário:

Alê disse...

Déh,

Fiquei feliz que a postagem te fez bem...

Tempo ao tempo pra tudo se ajeitar... Mas nunca devemos esquecer da gente mesmo: nunca.

Se olhar com carinho, se priorizar e se respeitar.

Use o texto que quiser.


Um beijo!