Quem sou eu

Minha foto
"Aceitar-me plenamente? É uma violentação de minha vida. Cada mudança, cada projeto novo causa espanto: meu coração está espantado. É por isso que toda minha palavra tem um coração onde circula sangue" (Um sopro de vida - Clarice Lispector)

sexta-feira, 15 de abril de 2011


Mais madura, um pouco mais experiente.
 Mais saudosa de quem mora longe, aproveitando muito mais quem está por perto.
 Alguns amigos recentes e já muito queridos também.
 Nessa caminhada, pessoas ficaram pelo caminho.
 Algumas com as quais não falo mais, mas que podem voltar um dia,
 outras que partiram mesmo. 
Tenho acumulado afetos, experiências e pessoas queridas neste ano que,
 apesar de algumas perdas irreparáveis, tem sido de muitas alegrias. 
E crescimentoprincipalmente.
Acho esta a minha grande sacada dos últimos tempos:
 "A verdade é que a vida começa quando a gente compreende que ela não dura muito"

 (Millôr Fernandes)



da Lindona da Sam. 
Vale a pena conhecer e seguir ;)

3 comentários:

Sam. disse...

têm textos que verbalizam tudo o que sentimos e que somos né, Dé... como este...que adoro!

o blog agradece pelos créditos, e eu agradeço pelo lindona...hehehehe

tu encantas a alma, querida... és luz pro meu cantinho...

Um beijo enooorme!

*Jéssica Marques* disse...

Nossa que texto lindo hein?
E realmente né Dé? quando nos damos conta de que um dia nossa existência atual tem um fim, começamos a perceber em volta e começamos realmente a VIVER, e deixamos de apenas EXISTIR!!
Adorei querida!!
Paz e luz sempre em teu caminho!
Grande beijo.
Jé.

Rodrigo Moraes disse...

Já sigo e estou acompanhando.

Abraço!