Quem sou eu

Minha foto
"Aceitar-me plenamente? É uma violentação de minha vida. Cada mudança, cada projeto novo causa espanto: meu coração está espantado. É por isso que toda minha palavra tem um coração onde circula sangue" (Um sopro de vida - Clarice Lispector)

terça-feira, 19 de abril de 2011


Não consigo mais aceitar relações pela metade. 
Em outras palavras, raspas e restos não me interessam.


(Caio F. Abreu)

9 comentários:

Dri disse...

Raspas e restos nunca me interessaram.

Dia
lindo pra vc.

Beijo

uma louca pela vida... disse...

Sempre leio o seu blog, mas é a primeira vez que deixo aqui um comentario...adoro, e os textos que posta sempre me dão uma luz!

Sam. disse...

a mim tbm não!

não mergulho mais em nada que seja raso!

Um beijo Dé, queridaaaa!!!

*Jéssica Marques* disse...

Perfeito!Somos merecedores daquilo que toca!
E um dia percebemos que viver de migalhas é muito ruim!
Adorei querida Dé!
super beijo!

Andressa disse...

:)

Maíra disse...

Nunca me interessaram! LINDO CAIO.

Maíra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maíra disse...

Olá! Tem selo para vc no meu blog, na página "De coração".
Bom feriado.
Beijos

♪ Sil disse...

E nuncaaaaaaa vão me interessar!

Dé, amada, vim deixar um abraço e te desejar uma páscoa bem bonita!


Beijoooo!