Quem sou eu

Minha foto
"Aceitar-me plenamente? É uma violentação de minha vida. Cada mudança, cada projeto novo causa espanto: meu coração está espantado. É por isso que toda minha palavra tem um coração onde circula sangue" (Um sopro de vida - Clarice Lispector)

segunda-feira, 30 de maio de 2011


Meu Deus, me dê a coragem
de viver trezentos e sessenta e cinco dias e noites,
todos vazios de tua presença.
Me dê a coragem de considerar esse vazio
como plenitude.
Faça com que eu seja a tua amante humilde,
entrelaçada a ti em êxtase.
Faça com que eu possa falar
com este vazio tremendo
e receber como resposta
o amor materno que nutre e embala.
Faça com que eu tenha a coragem de te amar,
sem odiar as tuas ofensas à minha alma e ao meu corpo.
Faça com que a solidão não me destrua.
Faça com que minha solidão me sirva de companhia.
Faça com que eu tenha a coragem de me enfrentar.
Faça com que eu saiba ficar com o nada
e mesmo assim me sentir
como se estivesse plena de tudo.
Receba em teus braços
o meu pecado de pensar.” 
(Clarice Lispector)

3 comentários:

Claire disse...

Deus dará.*--*
Belo post minha amiga.Tenha uma otima semana.*-*

♪ Sil disse...

Dé,

Esse texto de Clarice, sempre me foi como um mantra.
É uma prece do fundo da alma.

Deus dará! (2)


Um beijo menina amadaaaaaaa!!!

Alê disse...

Clarice é diva!


Passando pra agradecer o carinho, e pedindo licença pra ficar,


Um beijo