Quem sou eu

Minha foto
"Aceitar-me plenamente? É uma violentação de minha vida. Cada mudança, cada projeto novo causa espanto: meu coração está espantado. É por isso que toda minha palavra tem um coração onde circula sangue" (Um sopro de vida - Clarice Lispector)

sábado, 8 de outubro de 2011


"Também não vale a pena fingir um equilíbrio que não tenho."
(Caio Fernando Abreu)


Dando um tempo..
Obrigada a todos pelo carinho de sempre comigo.
Muitas coisas aconteceram por aqui. 
Preciso me refazer. 
Preciso me levantar.
Preciso de um tempo.

A vocês meu carinho, meu afeto, minha gratidão.
Sempre.

9 comentários:

QUIM disse...

te cuida querida ..e estou aqui sempre,sempre te procurando..bj .

Bento Sales disse...

Dé, senti falta de suas postagens e saudades de você.

Que dê tudo certo para você.

Abraços do amigo de sempre!

Rô... disse...

oi Dé,

saudades,
mas torcendo por sua
felicidade...

beijinhos

Severa Cabral(escritora) disse...

Minha querida deixo meu carinho expresso de saudades...que sua volta nos traga como lição de superação...

Carolzinha disse...

:)

Vou te esperar!

Alê disse...

Dé,

Volte logo,


apesar de estar meio ausente do blog, aqui me faz mega bem,


bjkas

Maíra Cintra disse...

Uma pena Dé... mas se é para o seu bem, que assim seja!
Beijos e fique com Deus

Daniela disse...

O tempo é um grande remédio ,
boa sorte ai , e quando voltar
volte fortalecida .

Beijos :)

Ana Andreolli disse...

opa aqui tá diferente